Matrículas 20/21

Encontram-se abertas as matrículas para o 1.º ano da catequese. Todas as crianças que completem  seis anos até 31 de dezembro, devem trazer:

  • Cédula do Baptismo;

  • Uma foto (tipo passe).

As matrículas serão na Secretaria Paroquial, até dia 31 de Outubro, no horário habitual.​

Início do novo ano de catequese

Sessões presenciais ADIADAS

  • Devido à tendência de crescimento dos contágios COVID – 19, que atualmente se verifica, a catequese PRESENCIAL não se inicia, como programado, em Novembro.

  • Fica adiado, o seu desejado começo, até nova data a anunciar.

  • Em breve todos serão contactados para formas alternativas de encontro e de partilha, enquanto aguardamos por melhores dias de saúde pública.

Catequese da Infância e Adolescência

Infância e Adolescência: Para educar na Fé as crianças e os adolescentes, a Paróquia ajuda e colabora com as famílias com um serviço de Catequese de dez anos: dos seis aos dezasseis anos.

 

Matrículas:

Todas as crianças que completam seis anos de idade até 31 de Dezembro e entram para o primeiro ano do Ensino Básico, podem matricular-se no primeiro ano de Catequese.

Devem apresentar a cédula do Baptismo e uma fotografia tipo passe. Até 31 Outubro 2020 na Secretaria Paroquial no Horário Habitual.

Encontros e Festas da Catequese

Festa da Eucaristia

  • Reunião de pais

    • no dia 25 de setembro às 21h30 no Auditório

    • Devem ser protadores da vossa própria máscara

  • Reunião de preparação das crianças

    • 3 de outubro às 9h30 no auditório​

    • As crianças devem ser portadoras da sua própria máscara

  • Datas da festa​ (sempre às 10h00)

    • 11 de outubro​

    • 18 de outubro

    • 25 de outubro

  • Batizados

    • Dia 25 e Outubro​

Festa da Fé

  • Reunião de pais

    • no dia 2 de Outubro às 21h30 no Polivalente

    • Devem ser protadores da vossa própria máscara

  • Reunião de preparação

    • 10 de outubro às 9h30 no auditório​

    • As crianças devem ser portadoras da sua própria máscara

  • Datas da festa​ (sempre às 15h00)

    • 17 de outubro​

    • 24 de outubro

  • Batizados

    • Dia 24 e Outubro

Ser catequista em tempo de Coronavírus

 

O Papa Francisco recordava-nos no discurso que fazia aos catequistas participantes no Congresso Internacional da Catequese durante o Ano da Fé (2013):

Ser catequista! Não trabalhar como catequista: isso não adianta! (…) Catequista é uma vocação. Ser catequista: é esta a vocação; não trabalhar como catequista. Atenção, que eu não disse fazer de catequista, mas sê-lo, porque compromete a vida”.

“Mas, por favor, não se compreende um catequista que não seja criativo. A criatividade é como que a coluna do ser catequista. Deus é criativo, não se fecha, e por isso nunca é rígido. Deus não é rígido! Acolhe-nos, vem ao nosso encontro, compreende-nos. Para sermos fiéis, para sermos criativos, é preciso saber mudar. Saber mudar. E porque devo mudar? É para me adequar às circunstâncias em que devo anunciar o Evangelho”.

Neste tempo difícil em que nos encontramos, todos nós, catequistas, estamos convidados a viver, mais do que nunca, estas palavras do Papa. Não podemos “fazer” de catequistas, pelo menos da maneira habitual; mas isso não é razão para devermos deixar de “ser” catequistas: Somos catequistas, sempre! Chamados a ser criativos!

De facto, porque não podemos “fazer” de catequistas, esta situação oferece-nos uma grande oportunidade para experimentar o que significa “ser” catequistas. Aqui ficam então algumas sugestões para estes tempos de Coronavírus:

  1. Reza pelas crianças e adolescentes da catequese, pelos seus familiares, pelos outros catequistas e por todas as outras pessoas da paróquia.

  2. Contacta (por chamada telefónica ou videochamada, chats, mensagens, WhatsApp…) os pais dos catequizandos e interessa-te por eles e pelas suas famílias.

  3. Pergunta se podes fazer alguma coisa por eles ou pelos seus filhos: ajudá-los com as compras, as tarefas, os trabalhos escolares das crianças ou adolescentes…

  4. Dá os parabéns aos teus catequizandos nos aniversários, ou torna-te presente para festejar qualquer acontecimento, mas sempre através de meios informáticos para a comunicação.

  5. Procura realizar, se for possível, e de acordo com os pais, uma videochamada de grupo para saudares as crianças ou adolescentes e estares um pouco com eles como grupo; para rezarem juntos uma breve oração ou terem um momento de catequese em grupo.

  6. Mantém o contacto através dos meios informáticos com os outros catequistas da paróquia e com o pároco, ou com catequistas de outras paróquias: para se animarem mutuamente e partilharem a vida, perguntarem pelas pessoas conhecidas e interessarem-se pelas suas situações.

  7. Não te esqueças de dedicar tempo a ti própria/o como catequista: para continuares a aprofundar a nossa vocação e identidade de catequistas e, na formação, para cultivares a nossa espiritualidade por meio da oração e da meditação, para fazeres essas leituras de apoio à catequese para as quais nunca temos tempo.

 

NOTA: Ser catequista em “tempos de coronavírus” é um texto que foi preparado por várias delegações de catequese de Espanha e que compartilhamos com pequenas adaptações, considerando que poderá servir de ajuda na conjuntura atual.

Jovens: A Paróquia, como lugar e espaço de acolhimento e encontro juvenil, proporciona aos jovens a possibilidade de integrarem.

Grupos de reflexão e formação: Grupos para iniciativas culturais e recreativas;

                                                             Agrupamento de Escuteiros (C.N.E.)

Vós sois demasiado valiosos para atravessar a vida como que anestesiados!

Alerta o papa Francisco os Adolescentes e Jovens.

Festa da Vida 2015
FV-15.png
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
IMG_5283.jpg
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
IMG_5279.jpg
IMG_5278.jpg
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Festa da Vida 2015
Pão da Vida
Vida
Vida
Vida

© 2012-20 Paróquia de S. Cristovão de Mafamude